Tendência

Metaverso: o futuro do Social Commerce?

Isabella Feitosa
Isabella Feitosa June 23, 2022
Metaverso: o futuro do Social Commerce?

Disclaimer: este material foi desenvolvido a partir do conteúdo apresentado pela(s) marca(s) citada(s) durante o VTEX DAY 2022 (vtexday.vtex.com).

“A nossa única certeza é que a Web 3.0 não será igual a Web 2.0”, segundo Carlos Bush, sócio do Grupo Primo e especialista nos temas de Growth e Customer Experience, o Metaverso é uma perspectiva nova que vem abraçando as mudanças da era digital.

Metaverso: uma extensão da realidade no mundo digital

O metaverso surge em um momento no qual as pessoas passaram a ser protagonistas na sociedade. Os consumidores estão empoderados pela diversidade de opções de escolha de onde, quando e como querem comprar e, ao mesmo tempo, possuem o desejo de uma relação mais humana na hora de comprar, valorizando muito a experiência nesta jornada

Para usufruir de todo o potencial do Metaverso no comércio digital, é preciso criar algo inovador capaz de oferecer uma experiência virtual completamente ampliada e conveniente para o consumidor.

Seja qual for a tecnologia utilizada, realidade virtual, aumentada, hologramas etc, é preciso proporcionar a imersão do usuário de tal forma que consiga replicar a vida das pessoas em um ambiente que abrace e estimule a interação social.

“Atualmente, as pessoas gostam de comprar na internet e ter a experiência próxima à marca, seja na realidade virtual ou em desfiles de produtos online que possibilitam a escolha e que serão entregues na sua casa, por exemplo. O quanto uma experiência dessa traz conveniência? Isso é Metaverso.”

Carlos Bush, Sócio do Grupo Primor.

SOCIAL Commerce e Metaverso

Vivemos a era do Social Commerce e essa tendência se encaixa bem com a dinâmica do Metaverso, uma vez que procura entregar propósito e experiência dentro de uma única plataforma que empodera e dá velocidade para o que o cliente procura.

O social commerce é o processo de venda e compra de produtos diretamente em plataformas sociais. A inteira experiência de compra, desde a descoberta do produto, pesquisa, até o checkout pode acontecer sem que o consumidor tenha que sair da plataforma de mídia social. Recursos como o botão “compre agora” ou pagamentos de preenchimento automático removem o atrito da jornada do consumidor, facilitando assim todo o processo.

O Facebook, é a principal plataforma de comércio social nos EUA, com 56,1 milhões de compradores em 2021. O Instagram está em segundo lugar, com 32,4 milhões.

Alguns motivos pelos quais as marcas devem considerar esta estratégia: 

  • Reduz os riscos de carrinhos abandonados;
  • Realidade aumentada;
  • Macro/Micro Influenciadores;
  • Transmissão ao vivo;
  • Menos atrito;
  • Local que a Geração Z e os Millennials estão;
  • Experiência de compra personalizada;
  • Dados e feedbacks confiáveis;
  • Construir um relacionamento forte com os clientes.

“Social commerce está presente no nosso dia a dia e é um dos itens que mais crescem na sociedade. Fundamentalmente precisamos entender que nos conectamos com pessoas, não marcas e o que mais vale é o resultado desta troca entre ambos.”

Carlos Bush, Sócio do Grupo Primor.

Sai de um mundo que era powerhouses to people-powered.

Hoje tudo é impulsionado pela criatividade, engenhosidade e poder das pessoas. Qualquer indivíduo pode monetizar sua rede. E muitos já estão fazendo isso em um ecossistema complexo, próspero e de rápido crescimento. Somente na China, por exemplo, mais de 450 milhões de pessoas já estão ganhando dinheiro através das mídias sociais.

83% dos consumidores que navegam no TikTok dizem ver tendências e o conteúdo os inspirou a fazer uma compra.

Os varejistas precisam entender que o Metaverso é um ambiente para testar modelos de negócios e dentro desta perspectiva tentar estudar que tipo de experiências se pode agregar para o cliente utilizando de dispositivos como este. Eventualmente pode ser uma realidade aumentada, uma aplicação que se coloca dentro do ecommerce ou até um e-mail marketing que se comunica de forma melhor com o cliente.”

Carlos Bush, Sócio do Grupo Primor.

O metaverso traz uma série de possibilidades como escutar o cliente, entender suas preferências e a partir dessa interação realizar mudanças significativas que ajudem na melhoria da jornada de compra. Por isso,  a tendência se torna uma excelente oportunidade para as marcas e profissionais do ecommerce se comunicarem e interagirem com seus clientes.

Continue lendo: artigos relacionados
Tendência

O Varejo já está no Metaverso

Talvez a sua primeira interação com a palavra metaverso tenha sido com alguma notícia sobre o Mark Zuckerberg…

R2U
R2U
Tendência

Conheça os principais benefícios do Live Shopping

O Live Shopping (LS) será um dos canais mais promissores para o ecommerce nos próximos anos. Há um…

Lalo Aguilar
Lalo Aguilar
Tendência

Como adaptar o ecommerce às novas restrições do Pix feitas pelo Banco Central do Brasil

Benefícios do Pix para o ecommerce  Desde seu lançamento, em novembro de 2020, o Pix tem facilitado as…

Camila Isibara
Camila Isibara
Tendência

Como conteúdos interativos compráveis estão mudando a cara das compras online

Esta história é bem antiga: as marcas querem ser vistas por seus clientes e público-alvo, independente de estarem…

Gabriela Porto
Gabriela Porto
Tendência

O futuro do varejo chegou

O comércio digital cresce de maneira consistente, ano após ano, em todas as regiões do mundo. Porém, principalmente…

Rafa Forte
Rafa Forte
Tendência

Quais as novidades do “compre agora, pague depois”?

Discutimos anteriormente o que é o fenômeno do “compre agora, pague depois” (também conhecido em inglês como Buy…

Andreea Pop
Andreea Pop
Tendência

É hora de converter mais com conteúdo gerado pelo usuário (UGC)

Coloque-se no lugar dos seus clientes. Você está navegando em uma loja de ecommerce em busca de uma…

Carolina Martin Guitart
Carolina Martin Guitart
Tendência

Social selling na indústria da moda

Comprar e vender sempre foram atividades sociais. Muito antes das redes sociais surgirem, as pessoas já engajavam em…

Larissa Coelho
Larissa Coelho
Tendência

Como a VTEX chegou a 60% de representação no Ranking da ESHOPPER

Conheça as principais funcionalidades da plataforma que garantem uma boa classificação no ranking que avalia a experiência do…

ESHOPPER
ESHOPPER
Veja Mais
Registro feito com sucesso