Blog VTEX - Marketing na Black Friday - Hacks para impulsionar suas conversões

Marketing na Black Friday: Hacks para impulsionar suas conversões

Gloria Horie
Gloria
24 out 2018
Reading Time: 4 min

A Black Friday já é conhecida por 99,5% dos internautas brasileiros, segundo estudo exclusivo da Provokers para o Google. Em 2014, apenas 27% conhecia o evento, e ainda havia muita desconfiança com relação as ofertas “black fraude”. Sites saíam do ar por conta do fluxo e, muitas vezes, o estoque estava longe de atender a demanda.

Quase 5 anos se passaram e muito se evoluiu para 2018. O faturamento esperado no comércio eletrônico é de R$ 2,43 bilhões, de acordo com a estimativa da Ebit | Nielsen, alta de 15% em relação a 2017. A mesma pesquisa aponta que 88,6% dos e-consumidores têm intenção de comprar na ocasião, gerando crescimento de 8% em relação à pesquisa de expectativa de consumo realizada no ano passado.

Somada a essa euforia, temos varejistas esperançosos de que a data possa ajudar na recuperação de parte do resultado de um ano difícil, em que pelo menos 1,2% do PIB foi reduzido por conta da greve dos caminhoneiros, segundo o Ministério da Fazenda. Por isso, o bom e velho planejamento vai ajudar no melhor aproveitamento da Black Friday.

Hacks promocionais para Black Friday

Atração de leads

Tudo deve começar na geração de leads, ou seja, captar os potenciais consumidores que buscam uma boa oferta. Eles podem ser já existentes ou novos na sua base de dados.

No ano passado, somente 6% decidiu não pesquisar antes de comprar, ou seja, investir em anúncios de links patrocinados pode ser uma solução assertiva. Como a busca acontece com antecedência, já é possível ver marcas se mobilizando para captar esse público qualificado.

Muitos criam landing pages específicas para centralizar ofertas e pré-cadastrar clientes e oferecer benefícios exclusivos, como a Renner, o Ponto Frio e a Arezzo.

promocoes-black-friday-2018-06

Configuração de ofertas

Outro fator importante é pensar nas ofertas, que podem ser oportunidades de desovar estoques indesejados, aumentar o volume de vendas de produtos-chave (ou serviços) ou até mesmo vender produtos desenvolvidos exclusivamente para a data, prática muito comum nos Estados Unidos, normalmente com menos features ou fruto de alguma negociação especial com o fornecedor.

O objetivo com a antecipação da estratégia de sortimento é justamente evitar de comprometer a margem de lucro com um evento tão focado em preço.

A vantagem da comunicação digital é que o público pode ser segmentado de maneira muito eficiente, ou seja, as ofertas podem ser bastante personalizadas, o que também ajuda na preservação da margem do produto.

O Pão de Açúcar, por exemplo, já possui essa inteligência ao comunicar ofertas personalizadas, seja por e-mail, seja pelo aplicativo do programa de fidelidade. Dessa forma, inclusive, o cliente se sente melhor atendido, pois recebe ofertas daqueles produtos que lhe interessam, se fidelizando à marca.

Social media

Também é importante planejar as campanhas nas redes sociais, que deve seguir a mesma linguagem das outras plataformas. Muitas marcas decidem por já oferecer descontos antecipados, como o Submarino Viagens, que lançou o “esquenta Black Friday”, aproveitando o período de planejamento das férias e festas de final de ano.

Seguem alguns exemplos de como as peças publicitárias adotam uma mesma identidade visual:

Esse ano, aliás, acontecerá um acompanhamento das ofertas com dicas do youtuber Alípio Camanzano, do Lipe Travel Show, ex-CEO da Decolar.com, dando dicas de como melhor aproveitar as promoções de passagens. Recentemente, ele subiu no seu canal um vídeo já comentando algumas dessas dicas.

Como aplicar isso em sua operação?

Se achar que é muita coisa para fazer com o tempo que resta, talvez valha a pena contratar uma agência especializada para te ajudar, o que pode agilizar todos os processos. Outro caminho é priorizar somente algumas dessas possibilidades, afinal, o importante é garantir a qualidade.

Conforme já comentamos no último Dia das Mães, as últimas recomendações são básicas para aproveitar qualquer evento de grande fluxo:

  • Simplifique ao máximo seu processo de cadastro, pois um e-commerce que pede informações de compra desnecessária desencoraja qualquer comprador;

  • Certifique-se que o site não tem qualquer tipo de problema que possa prejudicar a compra do usuário;

  • Considere oferecer frete grátis, que tem bom apelo junto aos consumidores, mas é importante levar em consideração o prazo de entrega da sua loja, isso deve ser um dos itens mais importantes na hora de montar o seu planejamento;

  • E deixe claro suas ofertas, mostrando de maneira efetiva o benefício ou o desconto do seu produto.

Por fim, lembre-se que 78% dos internautas que fizeram sua primeira compra na última Black Friday voltaram a comprar na mesma loja, segundo o mesmo estudo da Provokers que comentamos no início deste texto. Por essa razão, invista para oferecer não só descontos, mas a melhor experiência de compra para os seus clientes, pois eles certamente vão voltar!

Aproveite para conferir nossas dicas para aproveitar o aumento de fluxo de visitas em sua loja, organizar sua operação (especialmente marketing) e gerar mais vendas na Black Friday.

Ótimas vendas!