Blog VTEX- 5 Funcionalidades VTEX de SEO para loja virtual vender mais

5 Funcionalidades VTEX de SEO para sua loja virtual vender mais

Rafael Campos
Rafael
14 fev 2017
Reading Time: 4 min

Com a evolução da internet e do mundo digital, os investimentos em publicidade online cresceram exponencialmente nos últimos anos. O volume global transacionado chegou a marca de 178 bilhões de dólares, ou seja, um crescimento de 17% comparando 2015 com 2016.

E esse número deve continuar crescendo. Especialistas afirmam que será em 2017 a primeira vez que o volume do mundo digital superará a imponente televisão, chegando a ultrapassar a casa dos 200 bilhões de dólares.

Esse crescimento impacta diretamente as lojas virtuais, afinal, como vimos no publicações passadas, um dos principais fatores de crescimento do e-commerce é o investimento em mídia online. Com mais investimentos, maiores devem ser os preços e consequentemente, menores o ROI.

Existem diversas estratégias para amenizar esse impacto como aumentar o Life Time Value ou a conversão do e-commerce. Mas se você quer diminuir o custo de aquisição do cliente, nada melhor do que investir em estratégias de SEO para sua loja.

A VTEX, líder em tecnologia SaaS no mundo, possui diversas funcionalidades exclusivas para que você possa implementar sua estratégia de SEO, aumentar suas vendas e diminuir o custo. Confira agora as 5 principais:

1. Módulo CMS para controle total dos códigos das páginas

A princípio você deve pensar que o módulo CMS é importante para a parte de criação visual da loja, o Layout. Porém, nosso módulo vai muito além por um simples fator: a flexibilidade e a possibilidade de acesso direto ao código HTML.

Enquanto em outras plataformas você terá acesso a uma parte do código HTML ou então ao CSS da loja, com a VTEX você tem liberdade para modificar o que desejar. Portanto qualquer tag relacionada ao código, você poderá alterar:

  1. H1, H2, H3 e H…
  2. Parágrafos
  3. Alt de imagens
  4. Breadcrumbs
  5. Links internos
  6. Canonical

2. URL 100% amigável de todas as páginas

Com a evolução da forma de indexar dos buscadores, um dos principais fatores que foram impactados foram as URLs. A VTEX em 2009 por exemplo possui uma URL voltada para o mundo técnico, ou seja, não se preocupava com uma URL amigável para facilitar a indexação.

Hoje, a VTEX é uma das únicas ferramentas a gerar nativamente URLs amigáveis para todas as páginas. As mais comuns que podemos destacar são URLs de resultado de busca e de página de produto.

URL de busca

Se você pesquisar pela internet você ainda encontrará muitas lojas com essa URL:

/bus/0/0/MaisRecente/Decrescente/20/1////cueca.aspx

ListaProdutos.asp?IDLoja=198&Digitada=True&Texto=cuecas

Como é possível ver, essas URLs estão longe de serem boas para a indexação nos buscadores. Vale ressaltar que as páginas de resultado de busca são a principal fonte de tráfego da loja, portanto um erro aqui pode causar perdas consideráveis.

Veja como é a URL em uma loja VTEX:

http://loja.consul.com.br/geladeira

Como é possível ver, na VTEX o termo pequisado é o único presente na URL enquanto em outros sistemas, há diversos caracteres sem relevância. Essa “sujeira” é extremamente prejudicial para o SEO da loja.

URL de produto

Com o produto, podemos ver o mesmo produto acontecendo em outras lojas:

/prod/23207/310/0/sutia-love-secret-8071010-3842-taca-b.aspx

Já na VTEX, vemos novamente somente o nome do produto, que é o relevante, aparecer:

http://loja.consul.com.br/geladeira-consul-bem-estar-437-litros-branca-com-horta-em-casa-crm55ab/p

Em um primeiro momento você pode achar que a URL do produto não é muito significativo, afinal, essas páginas não são responsáveis por muito tráfego pois são páginas mais genéricas. Porém, se indexadas, essas páginas irão trazer visitantes mais maduras no funil de compras que em geral possuem conversões maiores.

Um outro fator importante das URLs dos produtos é que em geral as outras páginas contém diversos produtos, como por exemplo um resultado de busca. Se a URL do produto é ruim e a página de resultados de busca tiver 12 produtos, o código HTML irá ficar poluído de caracteres ruins. Vamos considerar a URL de produto ruim que citamos, vemos que há por exemplo a palavra prod logo no início. Portanto, em um resultado de busca com 12 produtos, a palavra prod aparece 12 vezes, sujando o código e diminuindo a relancias das palavras chave.

3. Campos configuráveis de título, url e meta descrição

Todo o sistema da VTEX foi concebido dentro das melhores práticas de SEO. Portanto você poderá definir para qualquer página de produto, categoria ou marca, qual será o título, a url e a meta descrição.

Por meio do painel administrativo da ferramenta, de maneira fácil e intuitivo, é possível fazer a parametrização desses campos e, caso necessário, alterá-los se você mudou a sua estratégia ao longo do caminho.

4. Mobile nativo

Desde 2015 a Google já considera para seus resultados se o site é responsivo ou não para dispositivos móveis. Já em 2016 o Google anunciou que vai desenvolver um buscador especializado em mobile. Esses dois movimentos nos mostram o quão importante esses dispositivos são para os usuários e o quão relevante eles se tornaram.

Na VTEX, mobile já nativo. Você pode adotar qualquer uma das estratégias, seja ela responsivo ou então m-commerce que a plataforma será capaz de se adaptar.

5. Mapeamento de URLs para redirect 301

Em primeiro lugar, o mapeamento de URLs é bastante utilizado quando uma loja realiza a migração para a VTEX. É com essa ferramenta que será possível determinar para os buscadores que uma URL teve sua estrutura alterada de A para B. Assim, você não perde o tráfego que já tem na loja.

O redirect também pode ser bastante utilizado para lojas que já estão na VTEX e que um item que gerava bastante acesso, foi descontinuado por um novo. Por exemplo, se a sua loja vendia o IPhone 5 e estava bem ranqueado nos buscadores, você pode determinar que ao acessar essa página do IPhone 5, o cliente será redirecionado para a página do IPhone 6.

Essa estratégia também pode ser adotada para qualquer outro tipo de produto que mesmo estando fora de linha ou que tenha sido substituído por um similar, segue gerando tráfego para a sua loja virtual. Afinal, o SEO é uma conquista da loja e você não vai querer nenhuma perda.

Se você ainda não é cliente VTEX, não perca tempo e fale agora um dos nossos especialistas para saber mais sobre como aumentamos em média 30% o tráfego orgânico das lojas que migram para o nosso sistema!