Operações

Go live: o dia mais esperado do e-commerce!

Edson Gagliardi
Edson Gagliardi February 4, 2016
Go live: o dia mais esperado do e-commerce!

O dia tão ansiosamente aguardado chegou: o dia do Go Live, o dia em que seu projeto entrará em produção! Aquele dia em que todos trabalharam muito para acontecer, também é uma data que gera muitas dúvidas e até certo ponto inseguranças, não é mesmo?

Passar pelo Go Live pode ser mais tranquilo do que você imagina. Você pode se preparar para este dia observando, diagnosticando alguns pontos de atenção e realizando algumas análises, as quais sem dúvida todos os varejistas online deveriam fazer.

O que está por vir?

Não tenho dúvida que a implantação ou a migração exigiu um enorme esforço de todos. Algumas implantações são muito rápidas, outras mais longas. Seja qual for o tempo da sua, é importante programar-se para os próximos passos.

A partir do momento em que a loja entra em produção, o foco deve ser acompanhar o que foi planejado na implantação e medir os resultados provisionados lá atrás quando o projeto nasceu.

Se você está preso ao operacional e não consegue medir, ligue o alerta, existe alguma coisa errada ou algo foi mal planejado. Quando falo em medir e acompanhar nada mais quero dizer do que monitorar o seu Google Analytics e o seu Webmaster Tools, ambos são ferramentas poderosas que podem te fornecer informações tanto de diagnóstico quanto para converter oportunidades em conversões ou visitas.

Outra maneira de avaliar o projeto é pegar feedbacks com o seu time de call center, afinal eles fazem o meio campo com o cliente. Não se esqueça que em cima dos dados levantados, algumas ações precisam, prontamente, ser tomadas.

Por último, atente-se a taxas de aprovação do seu gateway de pagamento, a performance da troca de dados integrados entre sua plataforma de e-commerce e softwares de 3ºs e garanta que o cliente contará com uma navegação fluída tanto via desktop quanto mobile, responsiva ou não.

Quais os pontos de atenção para chegarmos neste dia com segurança?

O primeiro ponto a ser refletido é não subestimar o seu projeto. Não é por que você participou do projeto que todas as demandas estão 100 % finalizadas . Eu sempre sugiro aos meus clientes que a loja seja primeiro aberta para terceiros, uma espécie de “Soft Launch” focado em pessoas que não participaram do projeto e que, consequentemente, não possuem vícios de projeto.

Não me entenda mal! Use isto a seu favor. Os envolvidos no projeto são importantíssimos para validar e checar a loja, porém nada é melhor do que fazer um double check utilizando pessoas externas ao projeto, afim de identificar detalhes e lacunas que passaram despercebidos.

O que precisa ser monitorado no Go Live do seu e-commerce?

Para monitorar as regras do jogo precisam estar claras!

  • Quantas visitas/sessões eu espero ter na minha loja?
  • Quantos pedidos eu espero ter no meu primeiro mês? Segmente este número por dia.
  • Qual a taxa de conversão esperada?
  • Quais redes sociais e quais mídias eu irei utilizar?Qual o ROI esperado?

Enfim, são inúmeras as perguntas que eu poderia fazer mas isto precisa estar claro e aderente a estratégia do seu varejo.

Quem precisa estar disponível?

Estar disponível não significa estar presencialmente ao lado de todos os envolvidos do projeto, mas sim estar alinhado sobre o dia do Go Live e estar acessível para caso seja necessária qualquer intervenção.

A priori todos acreditam que é imprescindível a participação de todos que participaram do projeto, mas na prática não é assim que funciona. É importante que key accounts estejam disponíveis, ou seja, pessoas que saibam resolver e que tenham poder de decisão.

É de suma importância que o Gestor do Projeto, aquela pessoa que sabe de todas as peculiaridades e manobras do projeto esteja disponível, filtrando e direcionando os pontos que venham a surgir.

Além disso é importante que responsáveis pelo front end da loja, por estratégias de mídia e parceiros, e por toda camada de integrações, sejam quais forem, estejam disponíveis.

Lembre-se, até então eram algumas pessoas participando do projeto. Neste momento toda audiência online está olhando, criticando e testando você!!!

Mãos à obra! Viu como que o dia do Go Live não é um bicho de 7 cabeças? Basta você se organizar e dar atenção aos temas que realmente merecem atenção.

Keep Reading: Related Stories
Estratégia

Da moda para o mercado: Como a Miniprix se reinventou em apenas uma semana

Em tempos de coronavírus, a moda deu um passo atrás, e os varejistas do setor foram afetados. A…

Andreea Pop
Andreea Pop
Operações

Como fazer cross sell e upsell no e-commerce

Webinar da série VTEX Masterclass mostra como utilizar as técnicas de cross sell e upsell para impulsionar as…

VTEX
VTEX
Operações

A transformação digital chegou aos supermercados

O setor de supermercados foi profundamente impactado pela pandemia. Saiba como ter uma operação online que impulsione suas…

VTEX
VTEX
Operações

Reentrega de mercadoria: minimize essa prática em seu e-commerce

Os custos com uma reentrega de mercadoria são altíssimos. Quando um cliente não é localizado ou por algum…

Luiz Samico
Luiz Samico
Operações

Frota própria e terceirizada: entenda as diferenças e qual a ideal para o seu e-commerce

A gestão de entregas é um processo com diversas etapas. Do momento em que o cliente realiza a…

Luiz Samico
Luiz Samico
Estratégia

Marca europeia de moda tem crescimento anual de 55% com a VTEX

No início de 2018, a marca de moda europeia Lion of Porches escolheu a VTEX Commerce Cloud como…

Allan Chung
Allan Chung
Estratégia

Resposta rápida em tempos de crise: a história de sucesso da Calimax

Desde que a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou a pandemia de Covid-19, em março de 2020, parece…

Roney Almeida
Roney Almeida
Estratégia

Como a varejista de moda Iorane fez uma migração de plataforma bem-sucedida em cinco dias

A marca de moda brasileira Iorane nasceu há mais de 20 anos como uma empresa familiar atacadista que…

Bernardo Lemgruber
Bernardo Lemgruber
Estratégia

Como acelerar a transformação digital do varejo para as farmácias

Está previsto que em 2022 o Brasil terá a quinta maior indústria farmacêutica do mundo, atrás apenas de…

Jade Maravillas
Jade Maravillas
Veja Mais