Estratégia

Comércio Colaborativo: a tendência que chegou para transformar o varejo

Rafa Forte
Rafa Forte March 7, 2022
Comércio Colaborativo: a tendência que chegou para transformar o varejo

A convite da Infomoney, recentemente tive a oportunidade de conversar com os CEOs no Brasil da Aliansce Sonae, Rafael Sales, e da Via, Roberto Fulcherberger,  em uma live sobre o futuro do varejo. Nós três representamos empresas com diferentes papéis neste grande e complexo ecossistema varejista do Brasil. A VTEX, como plataforma que integra toda a experiência de compra, Aliansce Sonae, como rede de shoppings que recebe importantes lojas físicas por todo o país e a Via, holding por trás das conhecidas marcas Casas Bahia e Ponto (ex-PontoFrio). 

Durante uma hora de conversa conduzida pela Letícia Toledo, editora do podcast “Do Zero ao Topo”, as nossas falas convergiram e chegaram ao mesmo ponto: plataformas, shoppings centers e grandes redes varejistas estão trabalhando para atender a um consumidor que está mudando rapidamente e que quer ter experiências excelentes de compra em múltiplos canais.

O cliente escolhe como quer comprar

Em determinados momentos, o consumidor vai optar por uma jornada física, em outros, por uma jornada online, ou então, híbrida. Por isso, há algum tempo defendemos que não basta os canais existirem: eles precisam estar conectados e integrados para que a jornada possa começar e terminar onde o cliente preferir. É de olho nessa máxima que a Via está transformando o conceito do que é uma loja física, ressignificando seu papel. A rede, por exemplo, abriu um espaço das Casas Bahia na cidade de São Paulo com atividades para crianças, salão de beleza, bar de vinhos, entre outras atrações que estão sendo um laboratório para testar essa tendência e, quem sabe, expandir em breve para outras lojas pelo país.

Para atender às novidades que o consumidor vem pedindo, é necessária uma transformação na operação. Os vendedores, por exemplo, precisam ser capacitados para realizar vendas pelo WhatsApp, produzir conteúdo para as suas redes sociais ou ainda preparar e despachar os pedidos feitos através do site ou aplicativo. Não existe mais diferença entre online e offline e toda a equipe precisa estar pronta para atender nos diferentes canais. Ao juntar tudo isso, temos uma revolução que coloca o desejo do consumidor à frente de qualquer outra necessidade. 

Na Aliansce Sonae, os shoppings fazem parte da operação omnichannel. A rede tem a missão de ajudar os pequenos varejistas que ainda não estão liderando a transformação digital, fornecendo canais e uma tecnologia dedicada para que eles também possam vender seus produtos online. Com a inteligência da VTEX, a rede possui uma plataforma de ecommerce que cuida de toda a logística de realização dos pedidos e entrega de 5 mil lojas, seja no endereço do cliente ou com retirada no próprio shopping.

Comércio Colaborativo

O futuro do varejo está sendo impulsionado a partir das necessidades de um consumidor multicanal. Para entregar com excelência a experiência que o cliente espera e driblar todos os desafios econômicos, tributários e geográficos do Brasil, o comércio colaborativo (ou collaborative commerce) é a saída. Ou seja, conectando players, tecnologias e operações, para entregar a experiência de compra mais cômoda e escalável possível. 

No comércio colaborativo, os players se unem em busca de maximizar as operações e, ao mesmo tempo, oferecer um serviço melhor para o cliente, que é o objetivo de todos. O propósito da VTEX é que as empresas possam adotar cada vez mais essas estratégias com menos fricção. Estamos no centro de uma vasta rede que nativamente conecta cada parte do ecossistema de comércio digital global. Estamos comprometidos em criar uma plataforma adaptável ao futuro que torna a colaboração escalável, permitindo que cada empresa concentre o seu talento no que a faz única.

O futuro é agora

Em nosso bate-papo sobre o futuro do varejo, chegamos à conclusão unânime de que este futuro já está acontecendo no Brasil e em ritmo acelerado. A transformação digital imposta pela pandemia aumentou a confiança dos brasileiros na compra em novos canais digitais e os números mostram que essa é uma tendência que veio para ficar. Na abertura da temporada de compras de fim de ano de 2021, que começou com a Black Friday e a Cyber Monday, a VTEX possibilitou 1,4 milhões de pedidos de consumidores em todo o mundo, o que representa um aumento de 25% no número de pedidos em relação a novembro de 2020 e um volume 2,6 vezes maior em relação a novembro de 2019. 

Na VTEX, estamos vendo os nossos clientes diversificando os canais para aumentar a penetração do online e investindo em melhorias em seus canais. A economia brasileira está vivendo uma crise, mas somos um país que tem muita criatividade e competência para nos reinventar. A Black Friday de 2021 cresceu em um ritmo um pouco menor em comparação a 2020, mas a margem ficou maior, o que mostra a criatividade e a eficiência que o mercado tem para lidar com qualquer cenário. Seguimos juntos. Com atenção, mas otimistas.

Continue lendo: artigos relacionados
Estratégia

7 passos simples para garantir uma boa usabilidade de uma loja online

Você conhece a importância da usabilidade de uma loja online? Para destacar a sua loja online dos demais…

ESHOPPER
ESHOPPER
Estratégia

Uma linha do tempo para a implementação do conversational commerce

Os novos hábitos de compra dos consumidores, o boom do comércio social e a tendência voltada para a…

Gabriela Porto
Gabriela Porto
Estratégia

Como otimizar o checkout e aumentar a conversão em sua loja online

As vendas no ecommerce vem experienciando um crescimento considerável nos últimos anos. Segundo a Ebit/Nielsen o Brasil bateu…

Caroline Dias
Caroline Dias
Estratégia

9 principais diferenças entre o ecommerce B2C e B2B

Você já se perguntou como cada modelo de negócio requer uma arquitetura e um conjunto de funcionalidades diferentes?…

Iris Irikura
Iris Irikura
Estratégia

Como crescer a sua estratégia omnichannel com live shopping

Se existe algo que é uma constante no mundo digital e no mundo do ecommerce é a inovação…

Taissa Araujo
Taissa Araujo
Estratégia

Aumente o faturamento da sua loja virtual com entregas cada vez mais rápidas

Descubra como as estratégias logísticas usando dark stores têm garantido entregas em tempo reduzidoe se tornado tendência no…

Rebeca Maffra
Rebeca Maffra
Estratégia

O que uma plataforma de comércio omnichannel pode oferecer aos varejistas?

Ninguém entra no varejo pensando “Vou vender este único produto a este preço e neste canal para sempre”.…

Cody Stapleton
Cody Stapleton
Estratégia

Como integrar o conversational commerce em sua operação omnichannel

Um dos paradigmas das marcas é estar disponível onde quer que os clientes estejam e ser capaz de…

Diana Mourão
Diana Mourão
Estratégia

Conversational commerce: a mais nova tendência digital que está fortalecendo as empresas B2C e B2B

Por trás de qualquer tipo de negócio, há um ser humano. Isso é um fato. Portanto, tanto faz…

Juliana Sánchez
Juliana Sánchez
Veja Mais
Registro feito com sucesso